Jogo de xadrez - O Peão

O Peão

imagem da peça peão do jogo de xadrez, do site http://en.wikipedia.org/wiki/Pawn_(chess)

Os peões são os pobres, servos. Como em qualquer sociedade, existem em grande número. No xadrez há oito peões. Eles funcionam como soldados e sacrificam-se para resgatar peças mais valiosas. Podem ser importantes peças para fazer pressão, e podem até ser uma das peças principais no xeque-mate.

O movimento do peão é a mais restrita das peças de xadrez. Eles movimentam-se apenas para frente, salvo se ele for "comer" alguma peça. Nesse caso, ele pode movimentar-se para a diagonal, mas nunca para trás. se assim quiser o jogador, ele pode pular duas casas de uma vez. No restante das jogadas, ele deve pular uma casa de cada vez.

Vejamos o porquê desse movimento na vida real: cada peão tem seu escudo e sua lança. Com o escudo diretamente à sua frente, ele não pode atacar para a frente, apenas na diagonal. Assim que derrota seu inimigo, na diagonal, os peões mantêm-se na mesma linha do inimigo, esperando que outro apareça.

Apesar de não parecer poderoso, os peões podem "salvar" uma importante peça.

Chegando ao final do tabuleiro, ele pode ser trocado até por uma rainha. Nunca por um rei.

Sabendo que podem ajudar no objetivo do jogo, os peões não devem ficar desprotegidos, como se fossem peças sem importância.

O fato de poder pular duas casas na primeira jogada, mostra novamente a vida real: talvez os guerreiros estejam muito confiantes diante da batalha que está por vir. Ou talvez eles queiram mover-se rapidamente para chegar o quanto antes no local da batalha.

Posted by criptopage